Publicado em

Salame artesanal feito na geladeira

salame artesanal feito na geladeira
  • Sal de cura tipo 1 salame copa B001 instacure#1

    Sal de cura 1 cura rápida linguiças e salsichas B001

    Avaliação 4.84 de 5
    R$ 7,30
    Comprar
  • tripa de colageno copa 80mm

    Tripa para Copa 80mm 5m

    Avaliação 4.55 de 5
    R$ 37,90
    Comprar
  • tripa natural suina linguiça

    Tripa suína natural para linguiça

    Avaliação 4.93 de 5
    R$ 39,90
    Comprar
Este salame foi feito para testar uma solução alternativa à cura tradicional em ambiente climatizado, com temperatura, umidade e fluxo de ar controlados. Também é uma alternativa ao uso do papel manteiga, que é um péssimo invólucro pois não foi projetado para isso, não consegue controlar corretamente a perda de umidade e não tem aderência ao produto, deixando uma camada entre o papel e o salame que é propícia para o surgimento de mofos indesejados. A geladeira é muito seca, por isso é importante adaptar um ambiente em que a umidade seja preservada. A ventilação também é fundamental para que a dinâmica de troca de umidade ocorra.

A primeira tentativa foi feita com uma caixa de papelão, que não deu certo, a umidade não foi preservada acredito que pela porosidade e capacidade de puxar água do papelão. A segunda solução testada, que deu certo, foi uma caixa plástica com uma ventoinha de computador ligada a uma bateria recarregável e um carregador de 3,5V. Esta adaptação criou um ambiente que manteve a umidade elevada(perto de 80%) e a ventilação leve necessária para a maturação correta do salame. A temperatura baixa da geladeira atrasa um pouco a maturação, mas não degrada a qualidade do salame.

A caixa precida ter a altura compatível com o salame, neste caso a caixa tem 33cm de altura e a tripa dos salames tem 30cm de comprimento, com o encurtamento pelas amarrações das extremidades o tamanho ficou perfeito. Adapte conforme sua necessidade.

É possível controlar a umidade abrindo ou fechando uma fresta na tampa da caixa. No início o salame é muito úmido e a umidade aumenta rapidamente. Abra um pouco a tampa até a umidade estabilizar perto de 80%. Caso a umidade fique baixa basta fechar a tampa. Checar uma ou duas vezes por dia é o suficiente.

caixa para salame artesanal na geladeira
caixa para salame artesanal na geladeira
caixa para salame artesanal na geladeira
caixa para salame artesanal na geladeira
caixa para salame artesanal na geladeira
caixa para salame artesanal na geladeira

Ingredientes do salame artesanal feito na geladeira

  • Pernil – 1000g;
  • Sal – 20g – 2%;
  • Pimenta do reino – 2g – 0,2%;
  • Gengibre em pó – 1g – 0,1%;
  • Nós moscada em pó – 1g – 0,1%;
  • Alho desidratado – 4g – 0,4%;
  • Erva doce – 2g – 0,2%;
  • Sal de cura 2 – 2,5g – 0,25%;
  • Antioxidante/fixador – 2,5g – 0,25%;
  • Vinho tinto – 20g – 2%.

Preparo do salame artesanal feito na geladeira

Cortar a carne e a gordura finamente com uma faca ou moer em disco fino;

Misturar bem todos os ingredientes até que a massa do salame fique pegajosa. Aproximadamente 2 minutos. Pode misturar com as mãos, utilizando uma batedeira orbital ou amassadeira.

Embutir em tripa de colágeno ou bovina natural reta calibre entre 45mm e 60mm, dependendo da espessura desejada no salame. Neste caso utilizei a tripa de colágeno calibre 45mm.

Caso utilize a tripa de colágeno, hidratar por alguns minutos em água com 10% de sal.

Faça furos com um alfinete/agulha ou pricker para remover bolhas de ar que ficaram presas entre a tripa e a massa do salame. As bolhas de ar oxidam a gordura e criam regiões com coloração diferente e gosto de ranço, por isso é preciso removê-las.

Pese cada salame e anote o peso inicial.

O uso da cultura starter é opcional. Caso utilize o vinho a fase de fermentação é opcional pois o vinho funciona como acidulante. A fermentação no salame gera ácido lático e protege pela acidificação. A cultura starter agrega sabor e aroma pela ação enzimática fundamental na formação e estabilidade de cor do produto final. A cultura starter também possui atividade lipolítica e proteolítica, envolvidas na formação de aroma. Utilize caso queira acrescentar mais qualidade ao produto.

A geladeira é muito seca, por isso é importante adaptar um ambiente em que a umidade seja preservada. A ventilação também é fundamental para que a dinâmica de troca de umidade ocorra. A caixa plástica adaptada com uma ventoinha cria um ambiente que consegue manter a umidade elevada e a ventilação necessária para a maturação correta do salame. A temperatura da geladeira geralmente fica em torno de 4ºC a 7ºC, não é a temperatura ideal mas o mais crítico é a umidade e a ventilação, portanto é plenamente possível fazer um ótimo salame na geladeira.

Deixe pendurado dentro da caixa na geladeira até que o salame tenha perdido entre 35% e 40% do peso inicial.

Perda de peso dos salames

SALAME 1

peso inicial: 353g
peso final: 186g
perda: 47%

SALAME 2

peso inicial: 363g
peso final: 188g
perda: 48%

SALAME 3

peso inicial: 277g
peso final: 141g
perda: 49%

Resultado final dos salames

Os salames ficaram ótimos, sabor e consistência excelentes. A conclusão é que é plenamente possível fazer um ótimo salame na geladeira, basta adaptar um ambiente com uma ventilação leve e que mantenha a umidade elevada.

salame artesanal feito na geladeira
salame artesanal feito na geladeira
salame artesanal feito na geladeira
salame artesanal feito na geladeira
salame artesanal feito na geladeira
salame artesanal feito na geladeira
1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas (4 avaliações)
Loading...

10
Deixe um comentário

Fotos e imagens
 
 
 
 
 
Áudio e Vídeo
 
 
 
 
 
Outros tipos de arquivos
 
 
 
 
 
5 Comment threads
5 Thread replies
1 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
6 Comment authors
  Subscribe  
novo antigo mais votado
Notificação de
Gustavo

Qual a faixa de umidade ideal?

NELSON RICARDO OTOBONI

POSSO UTILIZAR A ADEGA PARA A CURA DO SALAME, IGUAL O MÉTODO DA COPA LOMBO.

Luccas

Ótimo tutorial, obrigado. Vou tentar aqui. É necessário fazer a medição do ph ou é opcional já que vou usar o sal de cura?

vinicius almeida

amigo, quanto tempo aproximadamente esses salames ficaram na geladeira?

Diego

Ótimo tutorial Eduardo, parabéns. sua geladeira não é frost free para se conseguir um ambiente úmido?